TOGETHER // JUNTOS

🇺🇸 One of the most beautiful landscape images I’ve ever seen was a wheat field, while I was traveling through the country of the State of Sao Paulo, Brazil. It looked like a golden carpet and it had a special touch of a tree right in the middle covered with a lot of green leaves. I’ll never forget that image.
 Plantation fields have this characteristic, plants grow TOGETHER.  This is today’s word. It’s easy to see the meaning of the word, because is something towards gathering people, things, ideas. But there’s an old root, an adjective, that means “self-assured, free of emotional difficulties”. That point caught my attention. The biggest challenge of being together is to deal and harmonize everyone’s emotions.
 Our emotions are the second strongest power in us. The first one is our will, but most of the time the will is affected by our emotions. We tend to protect our emotions with all our strengths. That makes complicated when two, three or more are together and have to discuss, dispute and confront the personal differences and interests. We use to thing that being gathered is to bring our emotions out of our interior, but what if we think like the meaning of the word? What if is it an opportunity to free our emotions? Maybe relating to other people’s emotions with be a lesson that will make us grow and stronger emotionally.
 We’re made to live and stay together to each other. I’m not saying it’s easy, but it can be amazing. It’s like a game that the best result is to finish tied. Being together starts with the feeling that nobody will loose. 
That's it.
Denison 

🇧🇷 Uma das mais bonitas paisagens que já vi na vida foi uma plantação de trigo, quando viajava pelo interior de São Paulo. Parecia um tapete dourado gigante com um toque especial de beleza, uma árvore carregada de folhas bem verdes no meio da plantação. O tipo de cena que jamais vou esquecer.
 Plantações têm esse tipo de característica: tudo que cresce ali cresce JUNTOS. É a palavra de hoje. O significado é agrupar, reunir. Se puxarmos a raiz dessa palavra isso vai nos levar às bigas romanas, onde se juntavam dois, três ou quatro cavalos. Quando vamos para o grego vamos encontrar a palavra “zigoto” com a mesma raiz. Até a palavra “ioga”, sim da ginástica, vai ter a mesma raiz indo-européia.
 A idea geral da palavra juntos tem a ver com tudo que pode ser agrupado, mas com o objetivo de gerar algo novo, melhor ou maior. Não é apenas estar juntos, é estar juntos com propósito! Seja para tomar uma decisão, para iniciar e fortalecer relacionamentos, ou para construir objetos, veículos, também para gerar uma nova vida, ou criar uma condição física e mental melhor. Estar juntos vai causar reações, que vão ter o objetivo de alcançar uma condição melhor, condição essa que jamais seria possível alcançar sozinho. Não se trata sempre de disputa, mas principalmente de crescimento e fortalecimento mútuo.
 Fomos feitos para estar e permanecer juntos. Não digo que é fácil, mas pode ser incrível! É um jogo que é sempre bom quando termina empatado. Estar juntos começa com a idéia de que ninguém vai perder. 
É isso.
Denison 

SWIMMING // NADAR

🇺🇸 Mondays are always Mondays? Of course they are! They are the point of challenge for our week. Usually challenges are the first step in our journey. Starting is one of the biggest challenges. But Mondays are Mondays only if we allow them to be. At the end, they will be what we decide to do about them.
 Challenges are faced with energy. Energy is generated by heat and heat by attrition. That’s why shaking your body is an important way to help you to get a Sparkling Monday. What’s the best way to do that? I like to bring some tips here that are easy to everyone to do it. Today I’m gonna talk about my second favorite way to shake my body. My first one is to play soccer. Today’s tip maybe is not for everyone.
 I’ve always heard that swimming is the best exercise, the most complete. My father taught me how to swing since I was a little boy. He carried to the deep part of the water, laid me down over the water, put the hand under my belly and told me to move arms and legs. Later, I took swimming classes. For me is not only about the exercise, I really love to swim. While I’m swimming my mind works in the same intensity as my body, organizing my thoughts. As I said before, this is for me, maybe is not for everybody. But if you have the chance to practice swimming as an exercise it would be one of the best things for you.
 Besides all the good that swimming does for our body, it has the part that gives strengths to face our challenges, like overcoming fears, reaching further, working harder. Revolving waters bring lots of energy. 
That's it.
Denison 

🇧🇷 Segundas são sempre Segundas? Claro que são! Elas são o ponto de desafio para sua semana. Normalmente desafios são o primeiro passo na jornada. Começar é um dos grandes desafios. Segundas são Segundas só se permitirmos que sejam. Ao final, elas vão ser aquilo que quisermos que sejam.
 Enfrentamos desafios com energia. Energia é gerada com calor e calor pelo atrito. Por isso agitar o corpo é importante para ajudar a fazer uma Sparkling Monday. Qual a melhor maneira de fazer isso? Gosto de dar dicas aqui que sejam fáceis pra todos fazerem. Hoje vou falar do segundo jeito que mais gosto de agitar meu corpo. O primeiro é jogar futebol. A dica de hoje pode não ser pra todo mundo.
 Sempre ouvi que nadar é o melhor exercício, o mais completo. Meu pai me ensinou a nada quando era bem pequeno. Ele me levava pra parte funda da água, me deitava de barriga na água, colocava a mão na minha barriga e falava pra eu bater os braços e as pernas. Depois tive aulas de natação. Pra mim não se trata só de exercício, eu amo nadar! Enquanto nado, minha mente funciona na mesma intensidade do meu corpo, organizando meus pensamentos. Como disse antes, isso funciona comigo, talvez não pra todo mundo. Mas se tiver a chance de nadar como exercício vai ser uma das melhores coisas pra você.
 Além do bem que nadar faz para o corpo, tem a parte que da forças para enfrentar desafios como, superar os medos, alcançar mais longe, trabalhar duro. Águas agitadas trazem altas doses de energia. 
É isso.
Denison 

IDENTIFYING STRENGTHS // IDENTIFICANDO PONTOS FORTES

🇺🇸 Leadership is based on strengths. Personal development too. Trying to improve weaknesses is not going to make us better. For leaders is very important to identify strengths. For a leaderactive is also important to know how to help people to identify their own strengths and work on them.
 There’s a challenge on identifying strengths, because the individual’s strengths have personal characteristics, which make them unique from everyone else. Sometimes people get confused also, because everyone has more than one strength, with different levels of intensity and depending on the situation, one strength can overlap the others. That’s why sometimes is difficult to identify them.
 I’ll try to make it simple. We can identify our strengths in 3 ways. First, what do we like to do? I use to say like this: what makes you get out of bed? Second, what’s easy for us to do? It’s what you can learn with no one teaching you. Third, what other people recognize you’re good at? Like, everybody ask you to do that for them. Our strengths are based on those points. The problem is that we think about our strengths relating them to work. Most of people don’t use their strengths in their job and this is one of the reasons there’re so many people frustrated in their career. There’s a huge waste of potential in the working world.
 If you’re eager to make some changes, start with your strengths. Some people changed their life just because they start to cook after hours and suddenly people started to pay to that food. Just an example.
That's it.
Denison 

🇧🇷 Liderança é baseada em pontos fortes. Desenvolvimento pessoal também. Tentar trabalhar nas fraquezas não vai nos tornar melhores. Isso é importante para líderes. Para o liderativo também é importante saber como ajudar pessoas a identificarem seus pontos fortes e trabalharem neles.
 Identificar pontos fortes é um desafio, porque eles têm uma característica pessoal do próprio indivíduo, o que os faz únicos em relação aos outros. Às vezes pessoas ficam confusas também, porque todos têm mais de um ponto forte, com diferentes níveis de intensidade e dependendo da situação, um vai sobrepor ao outro. Esta é uma razão porque, às vezes, é tão difícil identificar os pontos fortes.
 Vou tentar simplificar. Podemos identificar pontos fortes de 3 maneiras. Primeira, o que você gosta de fazer? Normalmente digo: o que tira você da cama? Segundo, em que tem facilidade? Aquilo que você aprende sem precisar que te ensinem. Terceiro, no que as pessoas reconhecem que você é bom? Tipo, aquilo que sempre estão pedindo pra você fazer pra elas. Pontos fortes se baseiam nisso. Normalmente relacionamos eles com trabalho. A maioria não usa os pontos fortes no trabalho e esta é uma das razões por estarem frustradas no trabalho. Há um grande desperdício de potencial no mundo do trabalho.
 Se está buscando por mudanças, comece pelos pontos fortes. Tem gente que mudou a vida só porque começou a cozinhar após o expediente e de repente tinha gente pagando pela comida. Só um exemplo. 
É isso.
Denison 

SWOT

🇺🇸 It’s not SWAT, it’s SWOT, ok? SWOT stands for: Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats. It’s a quadrant to map personal and organizational perfomance. It gives a measurement when we’re trying to trace the best way to do our best and where we need to invest more to get the best results.
 The way to understand SWOT is relating Strengths with Weaknesses and Opportunities with Threats. S and W are internal characteristics, O and T are external. S and W we can control, O and T we cannot control. First we need to identify each one of them and being honest is the best way to do it. Maybe a help will be needed to not mix one to another, like identify a threat when in fact it’s a weakness.
 The real deal with SWOT is dealing with control. What do we have control over and what we don’t? I have control over my strengths and my weakness. I can improve my strengths and diminish the effect of my weaknesses. Can I control the opportunities? Not always. The same with threats. If I get stuck in traffic or the market changes it’s something beyond my control. I just can react to that. I recommend who’s trying to get into a career or a new job to do that. A company can do the analysis when it’s trying to explore a product in the market. The deeper we understand about ourselves, the better our performance will be.
 Performance is everything. Having the best elements doesn’t guarantee the best results by itself. Leaderactivity is related to performance. Creating movement depends on that too. What’s your SWOT?
That's it.
Denison 

🇧🇷 Não é SWAT, é SWOT. Significa: Strengths (pontos fortes), Weaknesses (pontos fracos), Opportunities (oportunidades) e Threats (ameaças). Procurei uma versão em português, mas a sigla que fizeram ficou FOFA e achei que não combina. É um quadrante para mapear desempenho pessoal e organizacional.
 SWOT é uma análise para traçar a melhor maneira de fazer nosso melhor e onde investir mais para ter melhores resultados. Relacionamos S com W e O com T. Características S e W são internas e podemos controlar, enquanto O e T são externas e não controlamos. Temos que identificar cada uma delas honestamente. Uma ajuda pode ser preciso para não misturar, tipo identificar T quando de fato é W.
 O negócio com SWOT é lidar com controle. Sobre o que temos controle e sobre o que não temos? Tenho controle sobre pontos fortes e fracos porque posso melhorar S e atenuar o efeito de W. Posso controlar oportunidades? Nem sempre. O mesmo com ameaças. Se ficar preso no trânsito ou se o mercado mudar é algo além do meu controle. Só posso reagir a isso. Recomendo quem está procurando uma nova carreira ou um novo emprego que faça a análise. Uma empresa pode fazer a análise quando tenta explorar um produto em um mercado. Quanto melhor nos entendermos, melhor será nossa performance.
 Desempenho é tudo. Ter os melhores elementos não é garantia de ter os melhores resultados por si só. Lideratividade está ligada ao desempenho. Criar movimento depende disso também. Qual é seu SWOT? 
É isso.
Denison 

LIMITING FACTOR // FATOR LIMITANTE

🇺🇸 The journey of a leader is not a lonely experience. The leader is surrounded by people. The loneliness is related with some particularities of the leadership. The main focus is still on people and leading them to a better condition. Creating a movement will require the attention to a people’s development process.
 Sometimes a leader can struggle trying to develop people. It’s challenging! People are not a machine with buttons. They’re not a computer with a system. We are an living and complex organism, dynamic, with strengths and weakness, desires and rejections. Developing people is not a task for technicians or manual readers. The leaderactive knows that and explores the ways to bring the best of everyone.
 One the important understanding the leaderactive has is the “Limiting Factor”, aka “The Law of the Minimum”, “The Barrel Theory” or “The Liebig’s Law”. Basically is the concept that the limit of one container is the height of the lowest hole, or in a barrel the shortest slat. You can keep pouring the content inside the container, but the point of limitation will keep leaking the content out and will never go above it. Technicians say we need to work on our weakness “to raise the slat”. But weaknesses are weaknesses, they will always be our limitation. We don’t develop people making developing their weakness.
 The powerful way to lead others is to find what they have of best. If you have two knives, one sharp and the other one not, will you use the sharped one or will keep sharpening to the one that does not cut?
That's it.
Denison 

🇧🇷 A jornada de um líder não é uma experiência solitária. O líder está cercado de pessoas. A solidão está ligada a algumas particularidades da liderança. O principal foco é nas pessoas e em conduzi-las à uma condição melhor. Criar movimento requer atenção ao processo de desenvolvimento de pessoas.
 Às vezes um líder sofre tentando desenvolver pessoas. É um desafio! Pessoas não são máquinas com botões. Não são computadores com um sistema. Somos organismos vivos e complexos, dinâmicos, com forças e fraquezas, desejos e rejeições. Desenvolver pessoas não é tarefa para técnicos ou “leitores de manual”. O liderativo sabe disso explora os caminhos que vão trazer o melhor das pessoas à tona.
 Algo importante que o liderativo entende é o “Fator Limitante”, conhecido como “Lei do Mínimo”, “Teoria do Barril” e “Lei de Liebig”. Basicamente é o conceito de que o limite de um contêiner é a altura do buraco mais baixo, ou da ripa mais curta no barril. Você pode continuar a derramar o conteúdo dentro do recipiente, mas o ponto limitante vai fazer ele vazar e nunca vai passar daquele ponto. Técnicos dizem que precisamos trabalhar os pontos fracos para “elevar a ripa”. Mas fraquezas são fraquezas, sempre serão nossa limitação. Não fazemos pessoas melhores desenvolvendo suas fraquezas.
 O jeito poderoso de liderar os outros é encontrar o que têm de melhor. Se você tem duas facas, uma afiada e a outra sem fio, você usa a afiada ou vai ficar amolando a faca que não corta? 
É isso.
Denison