SIGNATURE // ASSINATURA

🇺🇸 Our signature is a personal mark. Today is so important as a royal seal in the past. Of course because the development of writing it became easier to do it by hand instead go creating a stamp and use melted wax to print it. Now we have more sophisticated forms of signatures, like digital and virtual.
 I had a concerning of creating my signature since I was a kid. I remember my father’s signature. It was very simple. It was only his first name in a fancy writing. It was a nice signature and I able to copy it. My mother use to sign her full name in a cursive writing. I was able to copy my mother’s signature as well. Of course I never forged their signature for anything, but if I did nobody would ever notice it.
 When I turned 18 I created my signature. Which that age I was able to have a bank account and could sign some official documents. I was in college and one day I was looking at the bulletin board. There was a letter with a personal signature. That signature was the model for me to create my own. The name initials were different, but I liked the design and used on mine. I like my signature, it has a perfect balance of lines, but who cares about that? Well, one day someone told me I have a beautiful signature. The more important about it is that my signature confirms most of the decisions I make. It represents myself.
 What’s the best way to represent ourselves so other people will accept the decisions we make? We are worth more than lines in a paper. We’re always leaving our mark and what does that mean to the others?
That's it
Denison 

🇧🇷 Nossa assinatura é uma marca pessoal. Hoje é tão importante quanto era um selo real no passado. Claro que devido ao desenvolvimento da escrita ficou mais fácil fazer, ao invés de ter que criar um carimbo e marcar em cera derretida. Hoje temos meios mais sofisticados, como assinaturas digitais.
 Sempre me preocupei com a assinatura que teria. Lembro da assinatura do meu pai. Era bem simples. Apenas seu primeiro nome escrito de um jeito requintado. Eu consegui copiar a assinatura. Minha mãe assina o nome completo com letra corrida. Também consegui copiar a dela. Claro que nunca falsifiquei a assinatura deles pra nada, mas se fizesse provavelmente ninguém iria notar a diferença.
 Quando fiz 18 anos criei minha assinatura. Já tinha idade para ter conta no banco e assinar alguns documentos. Estava na faculdade e um dia olhando no mural vi uma carta com uma assinatura pessoal. Aquela assinatura foi o modelo para criar a minha. As iniciais do nome eram diferentes, mas gostei do design e usei na minha. Gosto da minha assinatura, acho que tem um equilíbrio perfeito de linhas, mas que importância tem isso? Bem, um dia alguém disse que minha assinatura é bonita. O mais importante é que a assinatura confirma a maioria das decisões que eu faço. Ela me representa.
 Qual a melhor maneira de sermos representados para que as pessoas aceitem nossas decisões? Valemos mais que linhas num papel. Sempre estamos deixando nossa marca e o que ela representa?
É isso.
Denison 

PICTURE ON THE WALL // QUADRO NA PAREDE

🇺🇸 How many portraits, paintings and pictures are hanging in the walls of your house? Some people love to fill the wall with frames of everything and everyone. They are hanging by the front door, the stairs, over the furniture, the hall. They have a meaning and a history. It’s not only about decorating the house.
 If you have a set of frames to hang, like me, is even more interesting. My wife, Lislene, painted a set of 6 orchids. She did with crayon pastel. They are beautiful! They really are. And they are framed with a special glass that make them look like oil painting. I’ve hung that set of frames 8 times since she drew them. I’m not a specialist, but it’s not a simple job to measure and align them, and nail the nails in the exact point.
 Sometimes I like to look at them, my wife have no idea I do that. It’s not because of the meaning or the history, neither for the hard work I had to hang them. It’s just because they are there and I like them. We have this tendency to think everything in life need to have a meaning and has to be moving around. But we have a lot of things that they are just there, like part of the scenario. It could be a painting or portrait, it could be a Bible over the counter, it could be an object. They are just there. Some people have particular crazes and they don’t know why they have. Just a portrait hanging in the wall of life. 
 Are you thinking about the reason for every frame you have all over the house now? How do you explain yourself for doing that? No explanation needed. Just enjoy this picture as a beautiful part of you.
That's it.
Denison 

🇧🇷 Quantos quadros, fotos e pinturas estão pendurados pelas paredes da sua casa? Algumas pessoas adoram encher as paredes com quadros de tudo e de todos. Estão pendurados na porta de entrada, na escada, sobre os móveis e no corredor. Têm significado e história. Não se trata só de decorar a casa.
 Se você tem um jogo de quadro, como eu, fica mais interessante ainda. Minha esposa, Lislene, pintou um jogo de 6 orquídeas com giz pastel. São lindas! De verdade. E são emoldurados com um vidro especial que fica parecendo pintados a óleo. Já pendurei o jogo de quadro 8 vezes desde que ela pintou. Não sou especialista, mas não é um trabalho simples medir e alinhar todos e acertar o ponto exato do prego.
 Às vezes gosto de olhar pra eles. Minha mulher nem faz idéia que faço isso. Nem é pelo significado ou história, nem pelo trabalho que deu pra pendurar. É simplesmente porque estão lá e gosto deles. Temos essa tendência de achar que tudo na vida tem que ter significado ou tem que estar em movimento. Mas temos muitas coisas que estão lá, só como parte do cenário. Pode ser um quadro pendurado, uma Bíblia na mesa, ou um objeto qualquer. Simplesmente estão ali. Algumas pessoas têm manias e nem entendem porquê têm. Ë como um quadro pendurado na parede da vida.
 Está pensando na razão de cada quadro que você tem pela casa? E agora, como você explica essa sua reação de fazer isso? Não precisa explicar. Apenas curta isso como um belo quadro que é parte de você. 
É isso.
Denison