JACOBABAD

🇺🇸 Do you know what is it? Have you ever heard of it? Jacobabad is a city in Pakistan. The country is located between Afghanistan, Iran and India, also bordering with China’s southwest. Jacobabad is located in the middle of the country, in the province of Sindh. Current population is 200,815 and it was founded in 1847.
 Jacobabad is been considered the hottest city in the world. The average temperature during the year is 93ºF. In the summer is 105ºF. The record high is 127ºF, although the highest temperature ever recorded is 134ºF in California. There’s a dispute between Jacobabad and Turbat, also in Pakistan, as the hottest city in the world, but people thing soon Jacobabad will take the fist place definitely.
 In the beginning September of 2019 the heat caused a power outage cutting out the air-conditioner in the hospital ICU killing eight babies. Those who work in the field have to take a break from noon to 3 to support the heat. People ask: How’s life in the hottest city in the world? Here is the answer of one of the residents of the city: “Even if it so hot as if the land were on fire, we would keep working”. All they think is that they need to finish everything they have to do in just few hours because time (and the heat) doesn’t take a break. What an example of efficiency and determination before struggles and crisis! 
 I use to say that all that people need is a good excuse. With a good excuse you can get a lot. So what’s your choice before the challenges of life: to use excuses or to face the heat or cold to get things done?
That's it.
Denison 

🇧🇷 Você sabe o que é isso? Já ouviu falar? Jacobabad é uma cidade no Paquistão. O país está localizado entre o Afeganistão, Irã e Índia, também fazendo fronteira no sudoeste da China. Jacobabad fica no meio do país, província de Sindh. A população atual é de 200.815 e a cidade foi fundada em 1847.
 Jacobabad está sendo considerada a cidade mais quente do mundo. A média da temperatura no ano é de 34ºC. No verão é de 41ºC. O máximo registrado foi 52.8ºC, embora a maior temperatura já registrada na Terra é de 56ºC na Califórnia. Existe uma disputa com Turbat, também no Paquistão, como cidade mais quente do mundo, mas especialistas dizem que logo Jacobabad vai tomar o primeiro lugar de vez.
 No começo de setembro houve uma queda de energia cortando o ar condicionado da UTI do hospital e 8 bebês morreram. Quem trabalha no campo tem que fazer uma pausa do meio-dia às 3 para aguentar o calor. As pessoas perguntam: como é viver na cidade mais quente? A resposta de um morador de lá: “Mesmo que esteja tão quente a ponto de sair fogo do chão, temos que continuar trabalhando”. Tudo que eles pensam é que precisam terminar todo trabalho nas poucas horas que têm, porque o tempo (nem o calor) dá uma pausa. Que exemplo de eficiência e determinação diante de problemas e crises!
 Eu digo que tudo que as pessoas precisam é de uma boa desculpa. Com ela se consegue muito. Qual sua escolha diante dos desafios: dar desculpas ou enfrentar calor e frio pra fazer o que tem que fazer?
É isso.
Denison 

SETTING UP GOALS // ESTABELECENDO ALVOS

🇺🇸 The leaderactive considers a lot of things when doing the job, but everything that is done has one main focus: to create movement. This is different of starting a cause. Creating movement is to get people involved to reach a better condition. Once it reached another possibility will arise to move even beyond.
 When we’re moving people an important thing is to know how to work with goals. Everybody is motivated by goals. Not everybody is motivated by the same kind of goals. That’s why the process of setting up goals isn’t an easy thing. Goals should burst people to get there and if that can generate a new motivation it’s even better! So let’s get into the process and work the best way to set up goals and motivating people.
 Do you like soap operas? Oh boy! Some people wouldn’t answer this question not even under torture! Well, think about setting up goals like a soap opera. Usually it’s a long story, but the producers develop the plot by chapters and every chapter has a new, surprising and amazing detail, so the viewer won’t miss it for anything. Every chapter will increase the plot and generating a new motivation. So goals work the same way. You have your main goal, which is the end of the story, but you should establish small goals, like the chapters, making that every new goal reach something bigger and lead to the following one. 
 Nobody reaches nowhere if the setting goal process is neglected. Do you know what happen to a soap opera when the audience drops? They kill somebody in the story. Goals will keep the movement alive!
That's it.
Denison 

🇧🇷 O liderativo considera um monte de coisas quando realiza seu trabalho, mas tudo que é feito tem um foco: criar movimento. Isso é diferente de começar um causa. Criar movimento é envolver pessoas para alcançarem uma condição melhor. Quando conseguem, uma nova possibilidade surge para ir mais além.
 Ao mobilizar pessoas uma importante coisa é saber como trabalhar com alvos. Todos são motivados por alvos. Nem todos são motivados pelos mesmos alvos. Por isso o processo de estabelecer alvos não é fácil. Alvos deveriam animar pessoas a chegar lá e se puderem gerar nova motivação é ainda melhor! Vamos entrar no processo e entender a melhor maneira de estabelecer alvos e mobilizar pessoas.
 Você gosta de novelas? Ai, ai! Tem gente que não admite isso nem debaixo de tortura! Bom, pense em estabelecer alvos como uma novela. Normalmente é uma longa história, mas quem produz desenvolve a trama por capítulos e cada capítulo tem um novo, surpreendente e incrível detalhe, para o telespectador não querer perder por nada. Cada capítulo aumenta a trama e gera nova motivação. Alvos funcionam igual. Você tem seu alvo principal, que é o final da história, mas você deveria estabelecer alvos menores, como capítulos, fazendo cada novo alvo alcançar algo mais e conduzir à próxima etapa.
 Ninguém alcança nada se negligenciar o processo de estabelecer alvos. Sabe o que acontece quando uma novela perde a audiência? Ele matam alguém na história. Alvos vão manter o movimento bem vivo! 
É isso.
Denison 

MOUNT EVEREST // MONTE EVEREST

🇺🇸 The highest mountain in the planet is a symbol of grandiosity and a challenge for people who want to overcome limits. We use to hear inspiring stories from people who climbed to the top and had life changed. The chance of seeing and connecting with that immensity must be wonderful.
 I my idea the adventure would be a lonely experience, a spiritual refuge, until I read what’s really going on there. There’s a huge traffic jam on the route to the top. Hundreds of people stuck in lines, walking among dead bodies, struggling with the lack of oxygen and getting frustrated. Official reports counted 21 deaths among more than 700 climbers in the 2019 season. (see the pictures at the page bottom)
 Inspiring stories must have been the main reason for people to decide to climb the Everest and other mountains. We seem like having a need to find new things, new trends, new enchantment to get motivated. Experiences are valued and the impressions shared and more people are inspired. Suddenly things that used to be special and unusual become ordinary and common. Frustration overcomes the motivation. Then we start to look for another mountain to climb, but there’s no other mountain higher than the Everest. So, where would you go now? .
 I can show you that other mountain to climb. Look around you. So many people, so many things. What if you start the route of ordinary things to reach the top of making them extraordinary? 
That's it.
Denison 

🇧🇷 O monte mais alto do planeta é um símbolo de imponência e um desafio para pessoas que querem superar limites. Normalmente ouvimos histórias inspiradoras de pessoas que tiveram a vida mudada por terem chegado ao topo do monte. Deve ser incrível contemplar a imensidão e se conectar com ela.
 Pra mim essa aventura sempre foi vista como uma experiência solitária, um refúgio espiritual, até ler sobre o que está acontecendo lá. Tem um grande congestionamento lá. Centenas de pessoas frustradas, presas em filas, caminhando entre cadáveres, sofrendo com a limitação de oxigênio. Relatórios registram 21 mortes entre os mais de 700 alpinistas na temporada de 2019. (veja as fotos no final da página)
 Histórias inspiradoras devem ter sido a principal razão para as pessoas resolverem escalar o Everest e outros montes. Parece que temos necessidade de encontrar novas coisas, novas tendências, novos encantos para sentirmos motivados. Experiências são valorizadas e partilhadas e mais gente se inspira. De repente, coisas que considerávamos especiais e incomuns se tornam comuns e corriqueiras. Frustração supera a motivação. Daí começamos a procurar por outra montanha, mas não existe outra montanha que seja mais alta que o Everest. Então, pra onde você vai agora?
 Posso te mostrar outra montanha para escalar. Olhe ao seu redor. Tantas pessoas, tantas coisas. E se você começasse a rota das coisas comuns para chegar ao topo de transforma-las em extraordinárias? 
É isso.
Denison 

SUMMIT / CUME

🇺🇸 It’s been funny to pick words as seeds to plant them here. Any word can be used and it’s also been a challenge to take something interesting out of them using only few words. I feel like as the same time I’m trying to pick words, I’m digging deeper in the field of my brain so they can sprout as much as they can.
Today’s word is SUMMIT. I like how easy some words bring images to our mind. This is one of them. I can picture the summit of a mountain and I can see in my mind the view like I was there in the top. I’ll tell you this, it doesn’t matter the point I am in the image, it’s always beautiful. I like heights. It’s one of the best feelings I have and I really wish I could fly. A summit also means an encounter of leadership, like a conference or convention, where leaders can discuss about some topics.
It’s always an adventure the pursuit to reach the summit. Sometimes it goes too far. I’ve read stories about people who died trying to get into the top of mountains, like Everest. That one must be amazing, the top of the tops! The fact is that it doesn’t matter how high it is, to reach the top takes effort always. It’s a very rewarded feeling seeing things from the highest perspective. And once you’re there the next step is always downwards. Yea, like you didn’t see that coming. This is so intriguing! How to deal with that? That’s why being in the top requires an emotional strength to face the possibility of starting going down.
Although it’s very hard to get at the top, the way down is even harder, physically and emotionally. When we want to be there, we should reach the summit of our heart. We can see beautiful things from there too.
That’s it.
Denison

🇧🇷 Tem sido legal escolher palavras para plantá-las aqui. Qualquer palavra pode ser usada e traz o desafio de tirar algo de interessante dela usando poucas palavras. Sinto que ao mesmo tempo que procuro as palavras, estou cavoucando fundo no meu cérebro para que elas possam brotar o máximo possível.
A palavra de hoje é CUME. Gosto como algumas palavras trazem imagens à mente. Esta é uma delas. Da pra imaginar o cume de um monte e também a vista como se estivesse lá em cima. Vou dizer uma coisa, não importa o ângulo da imagem, é sempre lindo. Gosto de alturas. É uma das melhores sensações que tenho e realmente gostaria de poder voar. Cume também da sentido de alcançar o sucesso, a condição mais elevada, o momento de melhor performance.
É sempre uma aventura tentar alcançar o topo. Às vezes até demais. Já li histórias de pessoas que morreram tentando chegar no cume de montanhas, como o Everest. Aquele deve ser sensacional, o cume dos cumes! O fato é que não importa quão alto seja, alcançar o topo requer esforço sempre. É uma sensação muito recompensadora ver as coisas pelo alto. E quando você chega lá o próximo passo é sempre pra baixo. Pois é, não estava pensando nisso, né? É intrigante! Como lidar com isso? Por isso estar no topo requer força emocional para enfrentar a possibilidade de começar a ir pra baixo.
Embora seja difícil chegar no topo, é mais difícil o caminho pra baixo, física e emocionalmente. Se queremos estar lá, devemos alcançar o cume do nosso coração. Dá pra ver coisas lindas de lá também.
É isso.
Denison