DECISIONS AND EMOTIONS // DECISÕES E EMOÇÕES

“Making decisions when we are emotionally unbalanced is like driving through fog: we can’t see long term”.

We are constantly making decisions. Because some decisions are critical and require a high level of concentration and focus, we constantly need to check on our emotional state. This is what have the strongest impact on the way we make decisions.

Why our emotions have this powerful impact on our decisions? Because we are emotional beings. Emotions are what fuels our impulses, desires and dreams. When we want something, we crave and work for that. The only thing is that fuel doesn't control the speed of a car, stepping on the gas does. The problem is when we allow emotions taking control of our decisions. A strong characteristic of human emotions is urgency. Waiting is absolutely underrating. Caring about consequences, specially at long term, is irrelevant. There is no clear vision. The urgent the issue, the clearer must be our vision. This is only possible when emotions are under our control.

Of course, when we are driving through a fog, and aren't able to see clearly, we take our foot off the gas pedal. There is no rush. The best thing to do is to control our emotions when we still can see clearly.

That's it.

Denison

“Tomar decisões quando estamos desequilibrados emocionalmente é como dirigir na neblina: não conseguimos ver lá na frente”.

Estamos tomando decisões constantemente. Porque algumas decisões são críticas e exigem um alto nível de concentração e foco, precisamos checar nosso estado emocional constantemente. Isso é o que afeta de maneira mais forte nossa tomada de decisões.

Por que nossas emoções têm esse impacto poderoso em nossas decisões? Porque somos seres emocionais. Emoções são o combustível dos nossos impulsos, desejos e sonhos. Quando queremos algo, ficamos fissurados e nos empenhamos por isso. O negócio é que o combustível não controla a velocidade do caro, pisar no acelerador sim. O problema é que quando deixamos as emoções controlar nossas decisões. Uma forte característica das emoções é a urgência. Esperar é totalmente sem importância. Cuidar com as consequências, especialmente a longo prazo, é irrelevante. A visão fica ofuscada. Quanto mais urgente, mais clara deve ser a visão. Isso só é possível quando as emoções estão sob nosso controle.

Claro que, quando estamos dirigindo na neblina, e não podemos ver direito, tiramos o pé do acelerador. Não temos pressa. A melhor coisa é controlar nossas emoções enquanto ainda podemos ver claramente.

É isso.

Denison

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s