DRIVERLESS CARS // CARROS AUTO-DIRIGÍVEIS

🇺🇸 One of the subjects of the moment. The transportation system is going through changes that will create unusual conditions for almost everybody. So far, we can tell that a lot of work in technology have been done and we don’t know yet when this impressive changes are going to happen.
 We’re expecting that there’ll be more intelligent cars running and people will start to use more and more the services that drive passengers from one point to another rather than having the ownership of a car. It’s like one thing will lead to the other and soon we’ll know how our life will be really affected by that.
 What the automotive industry says is they are not building a car, they are building a driver. So is not about the design, or the power of the car, is about the nature of the intelligence behind all the electronic processors. How to make a machine to respond positively and safely in an environment where lives are at risk. According to them, they are trying to prove that is possible. An interesting declaration shows the industry has all the technology that they need. “When you’re 90% done, you still have 90% to go”. Emblematic, right? Then it’s explained, “90% of the technology takes 10% of the time”. It’s like when you about to make a trip. There’re a lot of things to do when you’re packing, and while the one thing, which is to leave from where you are and to arrive at the destination, is what will take longer.
 Dealing with time could be frustrating. It’s very difficult to predict when things will happen. We can try our best, but time can be tricky. If you waiting for the future, remember, it’ll come with nobody at the wheel. 
That's it.
Denison 

🇧🇷 Um dos assuntos do momento. O sistema de transporte vai passar por mudanças que vão criar condições incomuns para a maioria. Até agora, podemos dizer que muito trabalho em tecnologia tem sido feito e não sabemos ainda quando essas mudanças vão acontecer.
 Esperamos por mais carros inteligentes nas ruas e pessoas usando mais dos serviços de transporte de passageiros de um ponto ao outro, ao invés de terem a propriedade de um carro. Uma coisa vai levar à outra e logo vamos saber como nossa vida vai ser realmente afetada com tudo isso. 
 O que a indústria automotiva diz é que não estão construindo um carro, mas sim um motorista. Não se trata de design ou potência do carro, e sim da natureza da inteligência por detrás de todos aqueles processadores eletrônicos. Como fazer uma máquina responder segura e positivamente em um ambiente onde vidas estão em risco? Eles dizem que isso é possível. Uma declaração interessante diz que a indústria tem toda tecnologia que precisam. “Quando você fez 90%, ainda tem mais 90% pra fazer”. Emblemático, né? A explicação segue, “90% da tecnologia toma 10% do tempo”. É como quando você vai viajar. Tem um monte de coisas pra fazer enquanto está arrumando as malas, enquanto uma única coisa, que é sair de onde está e chegar ao destino, é o que vai levar mais tempo.
 Lidar com o tempo é frustrante. Difícil prever quando tudo vai acontecer. Podemos fazer o melhor, mas o tempo nos surpreende. Se você espera pelo futuro, lembre que ele vai chegar sem ninguém ao volante.
É isso.
Denison 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s